Gastos e ferramentas facilitadoras

Tempo de leitura: 05 minutos

O ser humano é movido por sonhos. Provavelmente você possui algum desejo ou meta, como viajar com mais frequência ou aumentar sua renda passiva, por exemplo. 

Para isso acontecer é preciso dar alguns passos essenciais. Por qualquer caminho que iremos seguir, precisamos de um ponto de referência e no caso das finanças, seu ponto de partida será o orçamento. 

Mas o que seria o orçamento e por que ele é tão importante? 

Para entender isso vamos pensar em uma grande empresa, como por exemplo, o Google. É uma instituição bem-sucedida que com certeza tem uma projeção do seu faturamento e uma meta estabelecida do quanto pode gastar, pois sabendo aonde quer chegar, a empresa consegue alcançar o resultado. É esse mesmo tipo de atitude que devemos ter em nossa vida pessoal. 

Diferentemente de apenas controlar os gastos, ou seja, anotar o que já saiu do seu bolso, o orçamento é a parte do plano financeiro onde iremos projetar nossas despesas futuras. É através dele que iremos administrar melhor nossos recursos. 

Precisamos entender o nosso cenário atual para conhecer nossos números e saber quais são os nossos limites ou o que precisamos buscar a mais. Já imaginou querer ter sucesso, mas não fazer ideia de onde está gastando seu dinheiro ou o quanto pode gastar em cada área da sua vida? 

Apenas com a organização do orçamento é que podemos fazer isso. Além do mais, você poderá analisar sua realidade financeira e tomar decisões melhores, seja reduzindo gastos, otimizando o orçamento ou gerando mais renda. 

Home office: oportunidade de morar no interior e trabalhar na capital

Aqui vão algumas formas de começar esse processo de conhecimento da sua vida financeira e aprimorar o que vem sendo feito: 

AVALIAÇÃO  

A avaliação dos gastos tem de ser feita de maneira periódica, no mínimo semestralmente, pois de tempos em tempos mudamos nossas rotinas, gostos e preferências. Além, é claro, de comumente aumentarmos nosso padrão de vida de acordo com melhorias nas entradas que conseguimos.  

Pode ocorrer uma mudança de emprego ou o interesse em fazer um curso novo ou mesmo inserir um novo hobby em nossa rotina, essa mudança do padrão de vida no decorrer dos anos não é um problema, tendo em vista que a cada período que passa buscamos mais conforto e gastos com coisas que gostamos. O que não podemos deixar acontecer é elevar os custos nas mesmas proporções dos aumentos dos ganhos.  

GASTOS PARCELADOS  

Quando falamos dos gastos parcelados, eles são os “vilões” das projeções. Pois dessa forma o gasto já foi feito e agora você simplesmente está pagando sem consumir nada.  

Sendo assim, é de suma importância que o cliente tenha consciência de todos os gastos que já foram feitos e saiba o quanto eles correspondem ao orçamento disponível para aquele mês, caso contrário, sempre irá ter um gasto maior do que o planejado, já que você começa o mês com o “gasto x”. 

MESMO GASTO RECEBENDO ALGO  

Já para os gastos que não conseguimos deixar de tê-los como mercado, postos de gasolina, entre outras coisas, podemos nos filiar aos clubes de vantagens ou programas de fidelidade. Não deixaremos de gastar, porém poderemos ter um benefício “extra” apenas por nos cadastrar nos programas. Neste caso, o cartão de crédito pode ser um aliado. Ao concentrar os gastos nesse meio de pagamento podemos usufruir das vantagens que o mesmo oferece, como o ganho de pontos, milhas e cashbacks – conte com um profissional neste caso, para montar uma estratégia que sirva bem à você.

Exemplo: Mastercard e Visa possuem programas de “fidelidade” onde apenas precisamos cadastrar os cartões e todos os gastos neles feitos geram pontos que poderemos trocar por vouchers de descontos.  

MESMA AÇÃO GASTANDO MENOS  

Existem alguns gastos que conseguimos reavaliar e então fazer a mesma ação, porém gastando menos.  

Exemplo 1: Ir ao mercado com a lista de compras. Isto não só vai economizar tempo quando falamos de procurar apenas os produtos que são necessários como também irá diminuir o valor despendido no mercado. Isto porque os mercados são “campeões” em ofertas que chamam nossa atenção e muitas vezes, por conta das promoções, levamos produtos que não vamos utilizar.  

Exemplo 2: 2por1. Este é um livro que existe na cidade de São Paulo que possui diversos restaurantes, atrações, procedimentos de beleza, cinemas e teatros onde você paga 1 e pode consumir 2. Ou seja, não deixa de fazer o que já faria, apenas economiza no final das contas. 

GASTOS 3 MESES  

Já para as projeções e gastos dos próximos 3 meses, temos que levar em consideração não apenas os gastos de dia-a-dia que temos, mas nos atentar as datas e meses que estamos projetando. Datas comemorativas, aniversários ou até mesmo eventos que gostamos de participar tem de ser mapeados e colocados nas projeções para que elas sejam reais. 

Agora que você já conhece seus números e aprendeu maneiras para otimizar seus gastos, separamos algumas ferramentas que irão auxiliar a tornar esse monitoramento um hábito: 

PLANILHA  

Temos muitos adeptos as planilhas pela facilidade não apenas de input de informações, mas pela flexibilidade que ela nos traz. Essa é uma forma de organizar e somar todas as suas despesas e receitas em apenas um lugar, trazendo mais facilidade para visualizar onde está o seu dinheiro.

O importante nas planilhas é não apenas ter o acompanhamento dos gastos reais, mas também fazer um orçamento/planejamento por categoria para que não chegue ao final do mês e só aí consiga ver que passou do esperado. O importante não é ver no final do mês o que gastou, mas conseguir verificar se ficou de acordo com o planejado. O orçamento serve exatamente para isso. 

Empresário está trabalhando com novo projeto de inicialização e planejando  o notebook. | Foto Premium

APP  

Com a praticidade dos celulares que não vivemos sem hoje em dia, temos alguns apps que fazem o controle e acompanhamento do orçamento. Todos eles possuem seus pontos positivos como, por exemplo, a sincronização com a conta bancária (neste caso cliente não precisa imputar a informação, apenas classificar o gasto) bem como seus pontos negativos (classificação feita de forma errada, falta de planejamento ou relatório).  

Seguem alguns aplicativos mais utilizados:  

  • Guiabolso  

É uma opção totalmente gratuita, você pode cadastrar sua conta bancária para baixar e categorizar automaticamente todos as receitas e despesas. O aplicativo também oferece um gráfico de despesas por categoria, simulação de empréstimo e consulta de situação do CPF. 

  • Organizze  

Oferece opção de aplicativo para celular e versão web. Também há opções diferentes para plano gratuito e pago. É possível lançar todas as despesas e receitas na tela principal e acompanhar o gráfico por categorias. 

  • Minhas Economias  

Você pode acessar o gerenciador financeiro do Minhas Economias via web ou pelo celular, utilizando os aplicativos de controle financeiro para Android e iPhone. 

  • Mobills  

Traz uma proposta diferente, semelhante a uma rede social. Você pode criar uma Bio para seu perfil, ter seguidores, criar e comentar publicações sobre finanças, empreendedorismo e investimentos. Possui versão web e aplicativo, assim como plano gratuito e pago. 

  • Olivia  

É uma assistente financeira que usa inteligência artificial para aprender seus hábitos de consumo, prever próximas compras e recomendar formas de gastar melhor o seu dinheiro. 

BLOCO DE NOTAS/WHATSAPP  

O bloco de notas, assim como um grupo consigo mesmo no Whatsapp, não foram feitos para organizar e acompanhar as finanças.  

Porém, existem diversas pessoas que anotam seus gastos nestes dispositivos e quando chegam em casa, diária ou semanalmente, transportam estes dados para uma planilha ou classificam de acordo com as marcações no apps.  

Ele serve simplesmente para não esquecer qual foi o gasto, porém a anotação é essencial. 

PLANNER 

Para quem não abre mão do caderninho, o planner financeiro também é uma opção. Ele facilita o processo de se familiarizar com seus números ao fazer as anotações. Porém, é importante lembrar que esse meio de organização traz a limitação de não fazer as contas automaticamente, como em planilhas e apps. 

TETO CARTÃO DE CRÉDITO  

E como última alternativa temos as pessoas que não conseguem por diversos motivos realizarem estes acompanhamentos que falamos anteriormente.  

Sendo assim desenvolvemos um sistema não tão assertivo, porém que garante que os clientes ficarão dentro do orçamento que é o sistema composto por: Gastos Fixos feitos através de boletos/débito em conta somado ao cartão de crédito com um teto estipulado.  

Neste modelo o cliente não sabe ao certo quais são os gastos, porém garante que gastará no total “X” por mês e se mantem dentro deste orçamento.  

Lembrando que esta modalidade é última saída para os clientes. 

Apenas através da organização do fluxo de caixa é que conseguimos alcançar nossos objetivos e ter sucesso em nossa vida financeira. Por isso é essencial seguir o passo a passo: ter o controle dos gastos, projetar as despesas futuras, otimizar os custos e se beneficiar deles com cashbacks, milhas e pontos. 

Crie uma rotina para manter o controle financeiro pessoal e não deixar que ocorra gastos desnecessários, pois se você não assume a responsabilidade pelos seus números, não pode esperar que eles mudem. 

Insight 1

Faça do orçamento um momento prazeroso! 

-Aproveite e faça de um momento legal preencher suas planilhas, coloque uma música que goste e escolha uma bebida ou comida preferida para fazer suas anotações. Esteja em um ambiente confortável e num momento do dia que sinta mais relaxada. Essa não precisa ser uma tarefa irritante. 

Trabalho home office: vantajoso para os funcionários e para os negócios -  Fortes Tecnologia

Insight 2

Um presentinho é sempre bom! 

-Se no fechamento do mês verificou que tudo ficou dentro do planejado, comemore! Se dê um presente, pode ser assistir um filme que gosta ou comprar aquele vinho que queria. Nunca deixe de valorizar as suas conquistas, isso te deixará mais motivada a seguir com o processo de planejamento.  

Mariana Vantine – Consultora Financeira
Frederico M Kùmbs – Diretor de Estratégia
Cauê Valença – Mentor de Customer Sucess

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja outros artigos

Planejamento de Viagens

Tempo de leitura: 08 minutos Chegou a hora de garantir que aquela viagem tão esperada, saia ainda melhor do que você está imaginando! Para que